Viver Com Sentido (Para Não Morrer Com Remorsos)

Viver Com Sentido (Para Não Morrer Com Remorsos)

UBP -CES_ 2019.12.15 Viver Com Sentido peq

Com Paulo Borges

Organização: Escola Círculo do Entre-Ser

15 de Dezembro|das 10h00 às 17h00|Círculo do Entre-Ser, Lisboa

Muitas vezes vivemos vidas muito insatisfatórias, mas não temos a coragem de parar para tomar consciência profunda disso e explorar alternativas e chegamos ao fim da vida atormentados com remorsos por termos passado ao lado do essencial. Uma escritora e cantora australiana, Bronnie Ware, dedicada a acompanhar pessoas em final de vida, escreveu um livro onde expõe os cinco principais remorsos dos moribundos: 1 – “Gostaria de ter tido a coragem de viver uma vida verdadeira para mim mesmo e não a vida que outros esperaram de mim”; 2 – “Gostaria de não ter trabalhado tão arduamente”; 3 – “Gostaria de ter tido a coragem de expor os meus sentimentos”; 4 – “Gostaria de ter permanecido em contacto com os meus amigos”; 5 - “Gostaria de me ter permitido a mim mesmo ser mais feliz”.

                AGORA é o momento de impedir que isto aconteça. Neste workshop vamos recorrer à meditação e à reflexão, com base na sabedoria budista e de outras tradições espirituais da humanidade, para descobrir a possibilidade de viver desde já vidas mais gratificantes e plenas de sentido. Como alternativa aos cinco remorsos anteriores, vamos explorar cinco caminhos: 1 – Escutar a voz das nossas aspirações mais profundas e ter a coragem de as cultivar e realizar; 2 – Dedicar-se a atividades com sentido, benéficas para nós, os outros e o mundo; 3 – Perder o medo e a vergonha de si, perder o medo de sentir a si e aos outros e de expressar sentimentos reprimidos pela cultura dominante, como amor, compaixão e alegria altruísta; 4 – Estar mais presente e disponível nas vidas das pessoas próximas e alargar a esfera dos afetos e do sentimento comunitário; 5 – Descobrir a felicidade profunda, a felicidade de ser, não dependente de condições externas.

                Numa ocasião de fim de ciclo, como é sempre o Natal e o Ano Novo, este workshop é uma oportunidade para repensar as nossas prioridades na vida e começar ou aprofundar a mudança a que no fundo aspiramos.

Facilitador: Paulo Borges

Professor de Filosofia e Meditação, Pensamento Oriental e Filosofia da Religião no Departamento de Filosofia da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa. Sócio-fundador e ex-presidente da União Budista Portuguesa (2002-2014). Professor de Técnicas Meditativas na Escola Superior de Enfermagem de Lisboa (2011-2013). Sócio-fundador e Presidente do Círculo do Entre-Ser.

Praticante de meditação e da via do Buda desde 1983, na escola Nyingma do budismo tibetano, integrando a partir de 2012 os ensinamentos de Thich Nhat Hanh, sendo desde 2015 filiado na escola Linji (Rinzai) do budismo Ch’an / Zen.

Tradutor de textos budistas, como Estágios da Meditação, de Sua Santidade o Dalai Lama (Lisboa, Âncora Editora, 2001), o Livro Tibetano dos Mortos (Lisboa, Ésquilo, 2006) (com Rui Lopo), A Via do Bodhisattva, de Shantideva (Lisboa, Ésquilo, 2007), O Caminho da Grande Perfeição, de Patrul Rinpoche (Lisboa, Ésquilo, 2007) e O que não faz de ti um budista, de Dzongsar Jamyang Khyentse. É autor de vários livros, entre os quais O Budismo e a Natureza da Mente (com Matthieu Ricard e Carlos João Correia, 2005), Descobrir Buda. Estudos e ensaios sobre a via do Despertar (2010), Quem é o meu Próximo? Ensaios e textos de intervenção por uma consciência e uma ética globais e um novo paradigma cultural e civilizacional (2014) e O Coração da Vida. Visão, meditação, transformação integral (guia prático de meditação)(2015).

Para mais informações consultar

 

 

Close