Plano de Actividades

 2018-2020

1. Com o intuito de dar continuidade à missão da UBP enquanto agente agregador das diferentes escolas, associações, comunidades e praticantes budistas portugueses, propomos o seguinte:

- Estreitar a relação com as escolas presentes na UBP: Continuar o diálogo, através de reuniões, para perceber e ir ao encontro das suas necessidades bem como dar a conhecer os projectos da UBP; Divulgar e apoiar as suas actividades através dos meios existentes, nomeadamente redes sociais, comunicação social e protocolos com outras instituições;

- Promover o encontro entre as várias escolas, associações e praticantes budistas: Organizar iniciativas onde praticantes das várias tradições possam conviver e conhecer as diferentes abordagens budistas e projectos, nomeadamente através de visitas temáticas a cada escola e da realização de um congresso ou fórum para debate e informação;

- Integração de novas escolas de tradições autênticas representadas no país e de associações com fins de divulgação e práticas budistas, ou que se pretendam instalar em Portugal;

- Promoção do diálogo com congéneres internacionais, nomeadamente a União Budista Europeia.

  1. Considerando a UBP como um canal de informação entre as escolas, a comunidade budista e a sociedade em geral pretendemos:

- Continuar e fomentar a divulgação da tradição budista: melhorar a informação veiculada através das redes sociais, da comunicação social e protocolos institucionais, com conteúdos mais adequados e completos, visando a comunidade budista e também o público em geral; Implementação de um boletim online onde cada escola pode contribuir com artigos e textos; Organização de cursos;

- Promover o diálogo inter-religioso, estreitando as relações com o estado Português, as outras tradições religiosas, e instituições nacionais relevantes, através da continuação da participação nos diversos grupos de trabalho, da representação em eventos e organização de iniciativas; Orientar este diálogo frisando a importância do reconhecimento do que é uma base comum, do respeito pela diferença e da necessidade da preservação conjunta da herança espiritual da humanidade.

  1. Para contribuir para preservação da tradição budista em Portugal propomos:

- Proporcionar o acesso aos ensinamentos e práticas budistas: Apoiar o convite de Mestres das várias tradições para ensinarem em Portugal. Facultar informações sobre o estudo e a prática nas diversas correntes. Providenciar acesso a livros, vídeo e outros materiais para estudo através a implementação da biblioteca e referências online; Apoiar ensinamentos orais e escritos que são organizados e editados pelas escolas, de forma a manter o conhecimento e prática das várias correntes da tradição budista;

  1. Para melhorar a capacidade executiva da UBP propomos:

- Reforçar a equipa, através de voluntariado e de melhor cooperação;

- Implementação de um plano financeiro sustentável, através da capitalização do património, incentivo de apoio pelos patronos e de doações da consignação do IRS, e de outras soluções;

- Rebranding e normalização da imagem institucional;

- Adequar as instalações, para as actuais funções da UBP.

Close