Examinando o Espelho da Morte: Para Encontrar Sentido na Vida e Serenidade ao Morrer

Horário:

Conferência pública: dia 12 de Maio, às 19h30

Ensinamentos: dias 14 e 15 de Maio, das 09.30 às 13.00 e das 15.00 às 18.30

Local: Lisboa e Carcavelos

Com Chagdud Khadro

Organização: União Budista Portuguesa  

A morte é um espelho brilhante que permite discernir as prioridades da vida e apreciar profundamente o poder da mente. Contudo, é preciso prepararmo-nos, tanto a um nível prático como espiritualmente. Sem preparação, as mudanças do fim da vida poderão ser extremamente confusas e dolorosas - para quem está a morrer, para quem cuida, para a família e para os amigos. A preparação é urgente pois o momento da morte é incerto. Durante os seus trinta anos como Mestre Budista, Chagdud Khadro tem dado especial ênfase aos métodos de meditação Budista Tibetana que permitem, no momento da morte e apesar da desintegração do corpo físico, manter uma atenção profunda na continuidade da mente. Com a prática, a meditação pode ser mantida após a morte e a mente pode ser dirigida para um renascimento auspicioso. Os Mestres Budistas olham para o momento da morte como uma excelente oportunidade para encontrar a libertação dos ciclos normais de existência. Pessoas de diversos países e culturas têm participado nos retiros e palestras públicas de Khadro, partilhando preciosos testemunhos e sugestões sobre cuidados paliativos. Os ensinamentos de Khadro incidem também sobre cuidados de fim de vida. Em 1978, Chagdud Khadro tornou-se aluna de Chagdud Tulku Rinpoche. Desde o falecimento deste grande mestre, em 2002, Khadro é a diretora espiritual dos centros de Chagdud Gonpa, na América Latina. Atualmente reside no Rio Grande do Sul, Brasil, onde ensina e escreve. Looking into the Mirror of Death to Find Purpose in Life and Peace in Dying Death is a brilliant mirror that offers us discernment about life’s priorities and a deep appreciation of the power of mind. But, we must prepare, both in ordinary ways and spiritually. Without preparation, our end-of-life transitions can be overwhelmingly confusing and painful--for the dying person, for caregivers, and for family and friends. Preparation is urgent, because the time of death remains uncertain. During her thirty years as an authorized Buddhist teacher, Chagdud Khadro has focused primarily on the Tibetan Buddhist meditation methods that enable one to sustain deep, meaningful attention to mind’s continuity despite the disintegration of the dying body. With practice, meditation can be maintained after death and the mind can be directed toward an auspicious rebirth. Buddhist masters regard death as a superb opportunity to find liberation from ordinary cycles of existence. Those who have attended in Khadro’s retreats and public talks come from many countries and cultures, and they have offered a wealth of insightful stories and suggestions about palliative care. A discussion of end-of-life care directives is part of her teachings. Chagdud Khadro became a student of Chagdud Tulku Rinpoche in 1978. Since Rinpoche’s death in 2002, Khadro serves as the spiritual director of the Chagdud Gonpa centers in Latin America. She lives in Rio Grande do Sul, Brazil, where she teaches and writes. Contribuição: Conferência Pública, 12 de Maio: 10 € Ensinamentos, 14 e 15 de Maio: 40 € Uma indisponibilidade financeira não será impeditiva de participação. Inscrições: A participação na conferência pública e ensinamentos está sujeita a registo prévio através do endereço https://chagdudkhadro.eventbrite.com, a partir de 22 de Fevereiro até 2 de Maio de 2016. A validação dos bilhetes é feita mediante a sua contribuição, até 6 de Maio: - na sede da UBP; - por transferência bancária e envio do respetivo comprovativo para mail@uniaobudista.pt Nome: UNIÃO BUDISTA PORTUGUESA NIB: 0010 0000 4767 6430 0011 7 IBAN: PT50 0010 0000 4767 6430 0011 7 É possível também obter bilhetes à entrada, sujeitos à disponibilidade de lugares. Localização: Dia 12 de Maio: Altis Grand Hotel, Rua Castilho 11, Lisboa Como chegar: Transportes: Metro Avenida ou Metro Rato GPS: 38° 43' 15.1464", -9° 8' 59.8086" Ver mapa aqui. Dias 14 e 15 de Maio: Seminário da Torre da Aguilha – São Domingo de Rana (Carcavelos) Como chegar: Carro: A5 em direcção a Cascais (vindo de Lisboa -25 minutos). Siga as placas para:- Abóboda- Tires- S. Domingos de Rana - Seminário GPS: 38°42'32.43"N 9°20'2.35"W Transportes públicos: Comboio (linha de Cascais) até estação de Carcavelos. Depois, apanhar um táxi ou autocarro (Nºs 461, 462, 463). Seguir as placas indicativas de: S. Domingos de Rana, Seminário, Brisa, Abóboda. Sair do autocarro junto à Brisa. Para mais informações: SCOTTURB e VIMECA (www.vimeca.pt). Retirar mapa daqui http://www.seminariotorreaguilha.com/PT/contato.htm Outras Informações: Todas as sessões serão em Inglês, havendo tradução para Português. Pede-se a todos os participantes que compareçam na sala da Conferência e dos Ensinamentos meia hora antes do início de cada sessão e tragam os bilhetes impressos. Refeições (dias 14 e 15 Maio): Estará disponível um almoço buffet vegan completo (sem alho e cebola), mediante reserva através do email mail@uniaobudista.pt, pagamento efectuado até ao dia 10 de Abril de 2016. Custo: 8,5€ Alojamento: A reserva deverá ser feita junto da organização do evento, através do email mail@uniaobudista.pt, e o pagamento efectuado até ao dia 10 de Abril de 2016. Custo por noite: · Quarto Individual c/ casa de banho privativa e pequeno-almoço: 35€ · Quarto Duplo (2 camas) c/casa de banho privativa e pequeno-almoço: 50€. Preços válidos até dia 31 de Março, a partir do qual terão um acréscimo de 5€ por pessoa. Quartos disponíveis em número limitado. A ocupação (2 pessoas) do quarto duplo deverá ser acautelada pelos participantes e o pagamento deverá ser feito integralmente por um dos ocupantes.

Close